Dicionário do Investidor

Quem está começando a investir seu dinheiro em renda fixa, acaba se deparando a todo momento com várias siglas que podem parecer confusas em um primeiro momento. Para facilitar o estudo de quem ainda não decorou o significado de cada uma delas, criamos o Dicionário do Investidor.

Confira abaixo o que significa cada sigla e um breve resumo e descrição de cada uma.

Investimentos em Renda Fixa

LCI

Uma LCI é um tipo de investimento, onde o Banco que o capta ( Banco que recebe o dinheiro do investidor) é obrigado a destinar o investimento para o Crédito Imobiliários. Ou seja, quando você investe em uma LCI o Banco deve, usar o seu dinheiro para financiar compradores de imóveis.A grande vantagem deste investimentos é que o Governo concede a eles isenção de Imposto de Renda, o que os torna extremamente competitivos em relação a outros investimentos, como CDBs , Tesouro SELIC ou Fundos DI.

LCA

O LCA é um tipo de investimento, onde o Banco que o capta ( Banco que recebe o dinheiro do investidor) é obrigado a destinar o investimento para o Crédito Agrícola. Ou seja, quando você investe em uma LCA o Banco deve, usar o seu dinheiro para financiar compradores do setor agrícola. A grande vantagem deste investimentos é que o Governo concede a eles isenção de Imposto de Renda, o que os torna extremamente competitivos em relação a outros investimentos, como CDBs , Tesouro SELIC ou Fundos DI.

CDB

O CDB (certificado de depósito bancário) é um título que os bancos emitem para se capitalizar – ou seja, conseguir dinheiro para financiar suas atividades de crédito. Portanto, ao adquirir um CDB, o investidor está efetuando uma espécie de “empréstimo” para a instituição bancária em troca de uma rentabilidade diária.

Existem três tipos principais de CDB: o prefixado, o pós-fixadoCDB IPCA (os que pagam juros mais um índice de inflação). No primeiro, o investidor negocia com o banco uma taxa predefinida e, durante a vigência daquele título, receberá sempre a remuneração que foi acordada.

Outro tipo de CDB é aquele cuja remuneração varia de acordo com um índice de inflação (principalmente o IPCA) e uma taxa de juros prefixada. O tipo mais comum de CDB, no entanto, é o pós-fixado. Neste caso, a rentabilidade do investimento é baseada em alguma taxa de referência. A principal delas é o CDI (certificado de depósito interbancário), que está sempre muito próxima da Selic (taxa básica de juros). Saiba mais sobre investir em CDB.

Tesouro Direto

O Tesouro Direto é um programa de negociação de títulos públicos a pessoas físicas por meio da internet. Para o pequeno investidor, o Tesouro Direto é considerado uma opção de investimento de baixo custo e segura, já que os títulos públicos são considerados os ativos com menor risco em uma economia.
Os Quatro tipos de títulos mais populares entre as pessoas físicas são:

1 – Tesouro Pré-fixado – LTN

O Tesouro Pré-fixado ou LTN (Letra do Tesouro Nacional) é um Título público de crédito emitido pelo Tesouro Nacional cuja remuneração é pré-fixada. Seu principal objetivo é obter recursos necessários à cobertura de déficits orçamentários ou à realização de operações de crédito por antecipação de receita e para atendimento para determinações legais. O prazo dos papéis depende das definições do Ministério da Fazenda e do mercado. Também é conhecida como título de dívida pública ou Tesouro Prefixado.

2 – Tesouro Selic – LFT (Letra Financeira do Tesouro)

O Tesouro Selic ou LFT (Letra Financeira do Tesouro Nacional). As Letras Financeiras do Tesouro (LFT) são títulos com rentabilidade diária vinculada à taxa de juros básica da economia (taxa média das operações diárias com títulos públicos registrados no sistema SELIC). Por se tratar de um título pós-fixado, a rentabilidade a ser recebida pelo investidor variará até a data de vencimento. O pagamento do principal e dos juros é realizado em uma única parcela, na data de vencimento do título.

  • Indicado para o investidor que deseja uma rentabilidade pós-fixada indexada à taxa de juros da economia (taxa SELIC).
  • Risco: Baixo
  • O principal fator de risco é a variação de preços de títulos pós-fixados.

3 – Tesouro IPCA – NTN-B

Tesouro IPCA – As Notas do Tesouro Nacional série B (NTN-B) são títulos com rentabilidade vinculada à variação do IPCA, acrescida de juros definidos no momento da compra. Por se tratar de um título pós-fixado, a rentabilidade a ser recebida pelo investidor variará até a data de vencimento. O pagamento do principal é realizado em uma única parcela, na data de vencimento do título, porém o pagamento dos juros ocorre em fluxos periódicos, sob a forma de cupons semestrais.

  • Indicado para o investidor que deseja uma rentabilidade pós-fixada indexada ao IPCA. Produtos
  • Risco: Alto
  • Os principais fatores de risco são a variação de preços de títulos atrelados a índices de preço. Podem ter risco de crédito médio.

4 – Tesouro Pré-fixado – Juros Semestrais

O Tesouro Pré-fixado – NTFN (Nota do Tesouro Nacional Série F) São títulos com rentabilidade definida (taxa fixa) no momento da compra. Por se tratar de um título pré-fixado, o investidor sabe exatamente a rentabilidade a ser recebida até a data de vencimento.  O pagamento do principal é realizado em uma única parcela, na data de vencimento do título, porém o pagamento dos juros ocorre em fluxos periódicos, sob a forma de cupons semestrais. E com isto, reduz o risco e a rentabilidade do título.

  • Risco: Médio
  • Os principais fatores de risco são a variação de preços de títulos prefixados.

Poupança

Apesar de não ser considerada um tipo de investimento em renda fixa, a caderneta de poupança também paga um retorno quando se deixa o dinheiro aplicado após 30 dias ou data de a aniversário. A caderneta é uma das aplicações mais conhecidas no mercado brasileiro, a poupança é o sinônimo de segurança para muitos investidores, porque conta com a garantia do FGC (Fundo Garantidor de Crédito). Uma das maiores críticas em relação à poupança consiste na sua baixa rentabilidade comparativa a outros investimentos de renda fixa.

Indicadores Financeiros

CDI

Os Certificados de Depósitos Interbancários (CDIs) são títulos emitidos pelos bancos como forma de captação ou aplicação de recursos excedentes. Criado em meados da década de 1980, os CDIs são aplicações com prazos de 1 dia útil, com objetivo de melhorar a liquidez de uma determinada instituição financeira. Essas transações são fechadas por meio eletrônico e registradas nos computadores das instituições envolvidas e nos terminais do CETIP.  A maioria das operações são negociadas por um dia. A taxa média diária do CDI de um dia é utilizada como referencial para o custo do dinheiro (juros). Por esse motivo, essa taxa também é utilizada como referencial para avaliar a rentabilidade das aplicações em fundos de investimento.

Taxa Selic

Taxa de juros básica da economia, definida pelo Copom (Comitê de Política Monetária). Funciona como parâmetro das taxas de juros brasileiras, devendo estar próxima das taxas pagas pelos títulos públicos.

Inflação

A inflação Termo que reflete o aumento do nível geral dos preços da economia.

Liquidez

Prazo de resgate de um investimento. Poupança, Tesouro Selic e CDB’s possuem liquidez diária, ou seja, podem ser resgatados a qualquer momento.

Desta forma, seu investimento não fica preso no banco ou corretora. Mas por outro lado, quanto maior liquidez, menor o rendimento.

DI Futuro

O contrato futuro de DI baseia-se nas taxas médias calculadas pela Cetip, que espelham o custo médio praticado nas operações de troca de disponibilidade de recursos entre instituições financeiras para curtíssimo prazo.

IPC – Índice de Preços ao Consumidor

Índice que mede a evolução dos preços ao consumidor na cidade de São Paulo, para as famílias com renda de 1 a 20 salários mínimos. É calculado pela FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), que divulga a prévia desse índice todas as semanas (períodos quadrissemanais).

IGP- M – Índice Geral de Preços do Mercado

O IGP-M é índice que mede a evolução geral de preços na economia, criando assim uma medida da inflação nacional. O IGP-M é formado pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC – peso de 30%), Índice de Preços no Atacado (IPA – peso de 60%) e Índice Nacional de Construção Civil (INCC – peso de 10%). O período de coleta de preços para o índice ocorre entre o dia 21 do mês anterior e o dia 20 do mês de referência. Ele é divulgado mensalmente pela FGV (Fundação Getúlio Vargas).

IPCA  – Índice de Preços ao Consumidor Ampliado

Calculado pelo IBGE e tem como objetivo refletir a evolução do custo de vida de famílias que recebem entre um e quarenta salários mínimos nas onze principais capitais do país. É considerado o índice de inflação oficial do país, visto que é utilizado pelo BACEN no regime de metas de inflação.

Agio

Diferença positiva entre o valor pago e o valor nominal do título de valores. Por exemplo, se uma ação vale R$ 30,00 e alguém paga R$ 40,00 por ela, o ágio corresponde a R$ 10,00 (um ganho a mais para o vendedor), já com os Títulos Públicos, por exemplo, se o Tesouro Selic estiver com a taxa de compra (-0,01), ela estará com ágio na compra, ou seja sua rentabilidade será a Selic menos os (-0,01), já na venda , é o oposto se a taxa de venda estiver negativa, você é que ganhará o valor da taxa.

PIB – Produto Interno Bruno

Refere-se ao total de bens e serviços produzidos dentro do território econômico de um país em um determinado período de tempo. Em geral, o PIB é calculado trimestralmente ou anualmente. A taxa de variação do PIB, por sua vez, indica o crescimento da economia em um determinado período. O PIB do Brasil é divulgado pelo IBGE.

Rating

O rating é uma classificação de risco dos bancos, As três principais organizações que prestam esse serviço em escala global são as norte-americanas Moody’s, Standard & Poors’s (S&P) e Fitch. A classificação é revista periodicamente. Exemplos de classificação: AAA/Aaa até no mínimo BBB-/Baa3, as mais altas são consideradas como grau de investimento, enquanto as abaixo são consideradas como grau especulativo.

Dicionário do Investidor
4.7 (93.33%) 3 votes

2 comentários sobre “Dicionário do Investidor

Deixe um comentário